25 agosto, 2005

caminhando...

Cansei-me! Basta de trabalhar por duas, de stress, de pessoas, de música, de noites e noite em claro… Basta. Hoje mesmo coloco a mochila às costas e vou… Para onde? Nem eu sei… Se volto? Volto eu sempre volto, e por aqui passo sempre…
Hum…o hoje o vento aqui virou a Norte, vou pra Sul pra contrariar…
Os que arriscam sair sem rumo, estão convidados a vir comigo. Os outros encontro-os por aí… agora, … um dia. Quem sabe Sábado em Porto Covo…
“Até ao meu regresso ou mais além”, fiquem bem…

15 comentários:

sotavento disse...

Hum...

Sem preceitos disse...

Eu arrisco!...levas-m cntg?:)E sem rumo?...ainda melhor!!!;)
***

bluebird disse...

..que no desconcierte la virazón.

Natalie Afonseca disse...

Diverte-te!!!
Caminhando sem rumo costuma ser o melhor!!!
Boa "caminhada"!!
**

devaneios disse...

nao se esqueça da bussula!! ;)
á orientação é muito importante,, mais importante do que os trilhos que se percorrem...

BOAS FERIAS! volte depressa...
tal como eu (muitos) sao azul´ó dependentes.. =)

AS disse...

BOAS FÉRIAS!!! DIVERTE-TE...

Um beijo

mfc disse...

Que tenhas umas grandes férias... aquelas que são bem precisas!
A gente vê-se qualquer dia...

nina rizzi disse...

hm... então até a volta e divirta-se...

Sandra disse...

Todas as idas/viagens/passeios que fazemos/damos só serão realmente importantes se nos acrescentarem alguma coisa. Não basta estar em sítios diferentes daqueles em que habitualmente estamos. Não basta ver coisas diferentes. Não basta estarmos. Temos que Ser efectivamente onde estamos e lá sentir que algo de diferente se está a produzir. É fundamental, ao regressarmos, sentirmos/percebermos que algo mudou ou foi acrescentado. Algo de diferente... de melhor... de mais valia para nós seja a que nível for. Ir por ir não vale a pena.

Beijokas :)

Márcia disse...

Volte logo. ;)
Beijo. Azul.

Luna disse...

até Alma Azul....

Lyra disse...

passo a passo se faz o caminho :)

indigo des urtigues disse...

Quase que nos encontravamos nestas viagens sem rumo ;)

Bjos

mfc disse...

Fazes falta!

Maria Clarinda disse...

De certeza que eu iria contigo, apesar de "cota"gosto de ir, sem rumo também contrariando o vento...