10 julho, 2005

deixar decidir

Por fim, decido deixar-me morrer...
Lentamente como o tronco
Que é consumido pelo fogo…
Para sentir toda a tua ausência...
Plenamente.

E deixar de sentir.


Pelo menos isto
decido eu!


Image hosted by Photobucket.com
foto de Christian Coigny

7 comentários:

Chocolover disse...

Fotografia fantástica!

mar disse...

bem... pois! a fotografia de facto tem qualquer coisa de especial...!

AlmaAzul disse...

Também achei nem sei porque ;)
E ainda bem que falaram que me tinha esquecido da autoria :/

AS disse...

Eu diria antes que há ausências que nos consomem como o fogo... lentamente!

Um beijo

sotavento disse...

Hum...
Quem sabe, um dia, qual mito, renasce-se das cinzas!... :)

AlmaAzul disse...

frog, mais uma vez "lendo-me" :)
Beijo_azul

Sotavento, era bom ;)*azul

Anónimo disse...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. acuvue http://www.acne-9.info Child tax credit forms for canada online forex trading Cruise escorted tour vacation Algeria singapore new york search engine optimization Residential phone service atlanta ga http://www.facial-liposuction.info A pod maternity clothes License options for succession call center express Breast cancer recovery exercise aaronson Used 2005 ford mustang Woodmen of the world life assurance society ge dryer car alarm systems2c car security system2c enforcer Brasilian swimwear fashion American cosmetic breast society