18 junho, 2005

Image hosted by Photobucket.com

7 comentários:

Maria disse...

Veleiro

meu coração
de vela enfunada
solto ao vento
na luz prateada

veleiro perdido
e também achado
um oásis flutuante
no mar abandonado

liberto de ilusões
do deserto arrastado
de teias imaturas
do ódio trancado

falsas e amargas
frias e brutais
labirintos perigosos
de indiferenças fatais

zarpei
rumo ao mar alto
bem elevado
luminoso

não conspurcado
por quimeras
vãs invenções
infinitos obstáculos

livre voei
doce parti
e fui ao fundo
ao âmago de mim

onde mora
a minha estrela
a minha grata
eterna alvorada


Maria Rebelo

Chocolover disse...

Tamos convidad@s?!

Podemos aparecer?!

FESTA! FESTA!

AlmaAzul disse...

chocolover, claro que sim ;)
Para já só sei que é na esplanada do Senhor Amilcar como sempre na rua do conservatório, entre loiras e morenas.
Mas ao saber data e hora adianto. ;) Venham e tragam mais umas quantas…aquilo é pequeno mas cabemos todos ;).

LemonTea disse...

Ai, que bem que vai saber!... ;-)

Esplanada... lourinhas... moreninhas... fresquinhas... so icy!

AlmaAzul disse...

Chocolover,obrigada pela ajuda na recuperação dos comentários...mas acabei por conseguir recuperar tudo e perder os teu lol ;)

Chocolover disse...

Your wellcome!... :-)

Anónimo disse...

Keep up the good work video editing schools