10 dezembro, 2008

Declaração Universal dos Direitos do Homem


Conhece a Declaração Universal dos Direitos do Homem?



Quantos Direitos Universais seria capaz de inumerar neste momento?



Muito Obrigada a todos os que contribuíram para a existência da Declaração Universal dos Direitos dos Homens;

Muito Obrigada a todos os que contribuíram para que todos e cada um dos Direitos contidos na Declaração Universal dos Direitos dos Homens existam;

Muito Obrigada a todos os que respeitam Declaração Universal dos Direitos dos Homens;

Muito Obrigada a todos os que contribuem para a divulgação e discussão do tema Direitos Humanos;

Um obrigado muito especial e particular ao Sam pelo seu empenho e preocupação com a humanidade e pela iniciativa de divulgação dos Direitos Humanos na Blogesfera


5 comentários:

S-Kelly disse...

Sabias que foram dois portugueses que iniciaram ou desencadearam os DUDH?
E as férias pela capital, como correram?

mfc disse...

Apesar de tanto espezinhada é um marco na grandeza do Homem.

Graza disse...

Amigos e Amigas

Se há uma coisa em que acredito é na pressão da opinião pública. Os governos, embora não pareça, já lhe vão atribuindo alguma importância. Os Movimentos de Cidadãos neste formato, a nível global, são relativamente recentes, mas já vão produzindo o seu efeito, editamos aqui muita bobagem porque isto é também um divertimento, mas somos da mesma forma capazes de fazer desta ferramenta uma arma apontada à indiferença. Cada blog tem os seus níveis de leitura e quantos mais conseguirmos trazer mais exponencial será o resultado final. O Sam que vive aqui em Portugal, conseguiu por o Brasil a liderar esta blogagem colectiva, seria interessante chegar mais longe e que a próxima atingisse todo o universo da Lusofonia, os CPLP, a Francofonia etc., etc. Resumindo, é preciso acreditar, amigos!

Um fraterno abraço a Todos e a Todas.

Nota: Este comentário foi enviado a todos os participantes, pela impossibilidade de fazer um específico a cada um de vocês.

luma disse...

Acredito que a Declaração dos direitos humanos seja o ideal a que iremos chegar, com a boa vontade de todos e para isto, quem é mais consciente, deve por obrigação, tentar propagar as idéias e aplicação deste ideal fraterno. Beijus

Dantins disse...

Passados 60 anos, continuamos à espera que os direitos humanos sejam efectivamente respeitados!
Mas cabe a nós reinvidicarmos a cada dia o seu respeito.