30 outubro, 2008

Gafes em tribunal

Recebi isto por e-mail* e não sei nada a cerca da veracidade do seu conteúdo mas lá que têm piada têm:


1-
Pergunta : Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor confirmou o pulso da vítima ?
Resposta : Não.

Pergunta : O senhor viu-lhe a tensão arterial ?
Resposta : Não.

Pergunta : O senhor viu-lhe a respiração ?
Resposta : Também não.

Pergunta : Bom, então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia começou ?
Resposta : Não, é impossível.

Pergunta : Como é que o senhor pode ter essa certeza ?
Resposta : Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa.

Pergunta: Mesmo assim, não podia acontecer que ele ainda estivesse vivo ?
Resposta : Sim , é possível que estivesse vivo e exercendo Direito!!!

2 -
Pergunta : Aqui no Tribunal, para cada pergunta que eu lhe fizer, a sua resposta deve ser oral, entendido?

Resposta : Sim, meretíssimo.

Pergunta : Que escola é que o senhor frequentou ?

Resposta : Oral.

3-
Pergunta : Doutor, quantas autópsias o senhor já realizou em pessoas mortas ?

Resposta : Todas as autópsias que fiz foram em pessoas mortas...

*Regalem-se com algumas gafes cometidas em TRIBUNAIS...
São retiradas do livro “DESORDEM no TRIBUNAL”.
São coisas que as pessoas disseram, e que foram transcritas textualmente pelos taquígrafos, que tiveram que permanecer impávidos enquanto estes diálogos realmente aconteciam à sua frente...

3 comentários:

mfc disse...

A última deixou-me particularmente descansado!

Mena disse...

Olá!
É a primeira vez que por aqui passo e acho que vou voltar... Muito interessante este teu espaço, parabéns!
Bj
Mena

Dantins disse...

Os nossos tribunais estão cheios de humor ou dizendo melhor, grandes argoladas :)