28 junho, 2005

Mea culpa...

Com tempo para tudo até para pensar.... sentada na mesa do café divago acerca de um peso de consciência discreto que tenho...

Acho que a culpa é algo que se aprende, que nos ensinam socialmente, assente em princípios morais principalmente do derivados do catolicismo. Desde cedo nos ensinam o lado certo e errado da vida, a maior parte das vezes sem grandes explicações. É certo fazer assim, é errado fazeres "assado" e ponto final!
Quantas vezes ouvimos os nosso "educadores" dizerem "é assim porque eu estou a dizer" ou, mais grave ainda, " não faças senão deus isto" ou "deus aquilo" "porque senão deus isto" ou "deus aquilo".

Mania das pessoas de colocarem em Deus a responsabilidade toda!!
A verdade é que Deus a mim não me disse, como lhes parece ter dito a eles, o que é certo e errado!

E, talvez, por tudo isto eu não "obedeço" a muitos dos "certos e errados" da maioria das pessoas. O "certo e errado" para mim é o que a minha consciência me diz, consciente contudo que mesmo essa já é a criação da sociedade, e portanto influenciada pelos "certos e errados" socio-morais dos "outros".

Assim, tenho andado com um peso e consciência de que me tenho tentado livrar a todo o custo... E o diabo é que acho mesmo que não consigo! Apesar de achar que foi um desses certos ou errados que apreendi dos outros! Pior acho que é um dos 10 Mandamentos da Lei de Deus, o 6º se não me engano :“não desejarás a mulher do teu próximo”. (E ao escrever isto, recordo as palavras custosamente lidas no "Leviticus"... barbara então para mim!)

Sim, não consigo deixar de sentir culpa...Mas afinal não entendo a minha culpa! Eu, por mim, de tão egocêntrica, nunca teria desejado ninguém! Muito menos a mulher dos outros!

Enfim.... pode ser que passe.... Um dia destes desculpo-me.

12 comentários:

Silver disse...

Bom dia Almaazul. Agradece-me ter passado por aqui hoje. É que tenho algo para te dizer que certamente vai mudar por completo aquilo que pensas. E vais sentir-te muito mais aliviada. E é isto: Tu podes desejar a mulher do teu proximo, desde que o proximo não saiba.
Mais descansadinha?
Beijinho :)
Silver (hoje estou com um amor terrivel, mas sempre pronta a aliviar uma alma carregada)

Luna disse...

ainda num post há pouco tempo pedia desculpa á minha mãe....por não ser perfeita. por amar...sei lá
mas um dia destes tb me desculpo. beijo

sotavento disse...

"A mulher do outro"?!... Para começo de conversa, que raio de conceito é esse?!... As pessoas são donas de si próprias, que eu saiba, não são de ninguém!...
Até porque, no meio dos ensinamentos, também vinha que "o fruto proibido é o mais apetecido"!...
A única coisa chata é quando se deseja uma pessoa que deseja outra que não nós!... :)

AlmaAzul disse...

Silver, obrigada ehehehe...(pela descarregamento da alma lol), o pior é se o próximo vem a saber. Não queria nada passar a alma negra!

luna, um dias destes ainda arranjamos um grupo de terapia tipo culpados anónimos lol

(a silver está com um amor terrível e eu com um humor!)

***azuis

AlmaAzul disse...

sotavento, ora bem visto! que raio de conceito é esse! srsrsr... é a prova que a minha consciência também é influenciada pelos ensinamentos dos "outros".

Hum…vinha nos ensinamentos isso do fruto proibido? Alguém deve ter esquecido de me ensinar esse, nem sei porque heheheh...

E há mais coisas chatas além disso... por exemplo se o "outro" for nosso amigo... não ajuda nada acredita ;)
(Alter-ego: Alma isto mais parece o confessionário!!!)
*azul

M. disse...

Pensava que esse mandamento que referes só existia para os homens... assim contava uma anedota que dizia que as mulheres só tinham 9 e não 10 mandamentos... ;o)
Alma, penso que não tens sequer que colocar as coisas dessa forma... se desejas e respeitas a relação dessa pessoa, qual é o problema? Por acaso podemos escolher de quem gostamos ? Serena, e dá-te feliz por teres visto algo nessa pessoa que nem todos vêem...
Um abraço

aNa disse...

ai a culpa!!! esse malvado sentimento que nos é incutido desde o berço!!!
Almaazul,
coração ao alto. és livre de sentires, o que quer que seja, por quem quer que seja!! mesmo que te digam o contrário. mesmo que te façam sentir o contrário.
e, agora para aliviar, e corrigindo a minha amiga Silver: não devemos cobiçar a mulher do próximo, só quando o próximo está próximo. porque se estiver longe, já não é próximo. ;) :lol:

AlmaAzul disse...

m., até nessas pequenas coisas a religião (católica…) é só para alguns!
Já sei, tenho mais um mandamento que a maioria das mulheres... sobra sempre para mim! Não sei como faço...! :s
Quanto à culpa eu sei que não tenho razão para a ter... mas a verdade é que a sinto...

aNa, hehehehe... vou estar atenta aos movimentos do próximo então ;).

***azuis

Sofia disse...

Pois é,é o k está nas escrituras "não desejarás a mulher do teu próximo",eu entendo perfeitamente esse teu sentimento d culpa,mas apenas kria salientar aki k Deus é "de atos de perdão, clemente e misericordioso, vagaroso em irar-se e abundante em benevolência"...portanto eu penso k ele n só t perdoa como entende a tua situação! ;)
Fica bem
Bjinhs

AlmaAzul disse...

Obrigada Sofia:). Espero que seja mesmo assim :).
*azul

sylpha disse...

Adorei este texto...vá-se lá saber porque ;) E como tu bem dizes "o certo e errado" para mim é o que a minha consciência me diz". partilho da mesma opinião. As coisas do coração por vezes não se conseguem contrariar. Beijo enorme nessa blue soul :))

AlmaAzul disse...

sylpha, obrigada :)